sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Programação cultural

12 de agosto
O encerramento da exposição 50 Anos de Fernando Lopes, do artista plástico Fernando Lopes, será marcado com o lançamento do catálogo da mostra que teve curadoria de Cármen Lúcia Dantas, Romeu de Mello Loureiro e Solange Berard Lages Chalita. O evento acontecerá às 19h, na Galeria Cesmac de Arte Fernando Lopes (em frente ao prédio do Cesmac – Farol, em Maceió) e contará com apresentação do pianista Ilbert Leafá, da soprano Claudinete Lima e do Coral Cesmac, sob a regência do maestro Luiz Martins.

Alma de Borracha – com a voz e a guitarra de Jõao Paulo – é a atração do Engenho Massayo (Av. Amélia Rosa, 173 – Jatiúca, em Maceió), às 21h. No repertório, rock dos anos 60, 70, 80 e 90 de bandas como Beatles, Rolling Stones, Pink Floyd, Led Zepelin e The Purple. Couvert: R$8. Mais informações: (82) 3235-1160/9974-0992/8803-2938.

O grupo do Maranhão fará duas apresentações em Alagoas: no Sesc Arapiraca, nesta sexta, às 19h30; e no Teatro Jofre Soares/Sesc Centro, em Maceió, no sábado, às 16h. Dona Maria Rosa, Dona Maria de Jesus, Dona Zezé de Iemanjá, Dona Rosa Barbosa e Dona Rosa Dias, as caixeiras do Divino de São Luis do Maranhão, apresentarão as várias etapas do festejo do Divino Espírito Santo através de seus respectivos cânticos, acompanhados das caixas. Aberto ao público.

Mostra coletiva Papel A3, de Adriana Jardim, Achiles Escobar e Persivaldo Figueirôa, será aberta no dia 12 de agosto. Papel A3 reúne artistas cuja produção está voltada para o reaproveitamento, a reciclagem e a criação de um universo de ideias criativas que o papel possibilita no ato artístico e cultural. O tema em comum às obras dos três artistas é que todos eles trabalham com esculturas em papel machê. A exposição ficará aberta à visitação até o dia 3 de setembro, de terça a domingo, das 12h às 18h.

 
 A Cia Nêga Fulô de Alagoas e o Polizonteatro de Montevidéo/Uruguai estréiam a co-produção Reis do Sol (foto), baseada na história e mitos dos cangaceiros do Nordeste brasileiro representado pelos seus máximos expoentes: Lampião e Maria Bonita. O espetáculo será apresentado no Teatro Deodoro (Centro de Maceió), nos próximos dias 12 e 13, às 20h. Com Diva Gonçalves, Regis de Souza e o músico Tercio Smitc, a peça tem texto de Lúcia Rocha e Enrique Permuy.

13 de agosto
A banda Barba de Gato e o seu repertório de clássicos de blues nacional e internacional sobem ao palco do Engenho Massayó (Av. Amélia Rosa, 173 – Jatiúca, em Maceió), às 22h. Couvert: R$ 8. Mais informações: (82) 3235-1160/9974-0992/8803-2938.

Para celebrar o Dia dos Pais, a banda Time Machine faz grande show no palco da casa Buganvilia, a partir das 22h. Mais informações: (82) 9981-4733.

Wilma Araújo e banda darão o tom ao Dia dos Pais no espaço de eventos Atmosfera (Stella Maris). O jantar é uma iniciativa do Vila Chamusca. Mais informações: (82) 3355-1639 / 9106-2665. Valor do show+jantar: R$ 60 por pessoa. Vendas no Vila Chamusca (alto de Ipioca) e na Loja Freaks (em frente ao quiosque das havaianas, no 2º piso do Shopping Iguatemi).

15 de agosto
A Festa do Meado de Agosto edição 2011 acontece no próximo dia 15, a partir das 10h, no Sítio Volta (município alagoano de Taquarana). A festa é a mais antiga e expressiva confraternização das comunidades rurais banhadas pelo Rio Lunga, localizado no agreste alagoano acentuando e unindo as fronteiras administrativas e geográficas dos municípios de Taquarana, Coité do Nóia, Igaci, Palmeira dos Índios e Belém. Para o Quilombo Lunga a festa torna-se um patrimônio de valor inestimável para seus moradores, um bem que pode ser oferecido ao outro, como um presente aos visitantes. Na programação, Maracatu Afro Caeté (Maceió), cordel do Matuto Cidadão (Taquarana), Dança Afro Pérolas Negras (Pau D’arco/Arapiraca), baianada (Oiteiro/Penedo), banda de pífanos (Tabacaria/Palmeira dos Índios), capoeira PETI (Quilombo Lunga/Taquarana) e oficina “Gênero, Raça e Sexualidade” ministrada pela Assistente Social Mabel Araújo. Mais informações: (82) 9161-7554/9316-0505/9679-1624.

O antigo cinema da capital alagoana, o Cine Plaza (Av. Comendador Calaça, em frente à Igreja Bonfim), será aberto brevemente para exibir a obra Instante impreciso (2011). Dirigido pela fotógrafa e artista alagoana Renata Voss, o trabalho tem o cinema como motivação e busca trazer questionamentos sobre tempo e memória através da fotografia. A exibição terá sessão única, às 15h. Aberta ao público. Mais informações: www.renatavoss.wordpress.com.

Atores, produtores, diretores, gestores e demais agentes envolvidos com as Artes Cênicas alagoanas farão um bate-papo sobre cursos e oficinas necessários para o aperfeiçoamento do segmento em Alagoas. O encontro será no Teatro de Arena Sérgio Cardoso (anexo ao Teatro Deodoro), às 10h, com o representante da Fundação Nacional de Artes (Funarte) no Nordeste, Reinaldo Freire (Naldinho). Mais informações: (82) 9905-5506/3315-5665/(81) 9854-3722/ 3194-1310/ reinaldofreire.naldinho@funarte.gov.br.

16 de agosto
Alagoas é a próxima parada do A cor da cultura, projeto que busca estimular o respeito à diversidade racial por meio da valorização da cultura e da história africana e afro-brasileira nas escolas. De 16 a 19 de agosto, das 8h às 17h, serão realizadas oficinas no Centro Educacional de Pesquisa Aplicada – CEPA (Av. Fernandes Lima, s/nº, Maceió/AL) oferecidas a cerca de setenta educadores da rede pública estadual que ficarão responsáveis por replicar o aprendizado para mais 300 escolas.